top of page
  • Foto do escritorBLOG MÉTODO FOTOGRÁFICO

MOTIVOS DE ALERTA PARA FOTÓGRAFOS INICIANTES

A internet está cheia de dicas de como você pode avançar e se tornar um grande fotógrafo. Workshops de edição então, tem de perder as contas.

E quanto aos alertas? Com certeza dá para contar nos dedos os profissionais que se preocupam em alertar os iniciantes com os enganos do início da carreira. Enganos esses que nos paralisam e nos fazem querer começar tudo de novo, ou questionar nosso futuro na profissão.




Para que isso não aconteça, vou começar com algo bem óbvio, mas necessário:


  • QUANTO MAIS EQUIPAMENTO, MELHOR:

Não é assim que funciona, já falei muitas vezes por aqui que quando estamos iniciando a grana é curta. Podemos sim começar com um equipamento mais simples, pelo menos até definirmos o que queremos fotografar e/ou nos estabelecermos financeiramente. Isso leva tempo e você precisa colocar na cabeça que quantidade não é qualidade.

Defina seu nicho! Por exemplo: se você está certo de que quer ser um fotógrafo de casamento, sabe que precisa de uma equipe e também precisa de um material reserva e lentes adequadas para registrar todos os momentos de forma perfeita. Até porque você não vai conseguir recuperar esse trabalho caso algo de errado, certo?!

Porém, se o seu caso é retratos femininos, qual a necessidade de você sair com uma mochila cheia de equipamentos, sendo que, muito provavelmente, vai usar apenas uma lente?

Pense nisso...


LEIA TAMBÉM:

  • MAIS BARATO VENDE MAIS:

Está certo que no início você ainda não tem tanta experiência, sua qualidade pode melhorar, sua edição pode melhorar, enfim, o seu trabalho como um todo. No entanto, isso não significa que você precisa entregar seu trabalho de mão beijada para o cliente.

Defina um preço que você ache justo pelo seu trabalho, porém, só depois de colocar no papel todos os seus custos até o momento. Defina também seu preço de deslocamento, se for o caso, e o valor para cobrir aquele ensaio. Não fique fazendo mais barato porque é amiga, ou dando descontinho para cliente chorão. Você precisa saber seu valor, pois todo mundo começa de baixo e vai progredindo com o tempo. O preço cresce junto com você, não esqueça.


LEIA TAMBÉM:

  • QUANTO MAIS PARCERIAS, MELHOR:

Acho importante falar disso, pois quando estamos iniciando os sanguessugas começam a te perseguir. Isso pode até parecer que é porque seu trabalho é muito bom, mas não, o interesse maior dessas pessoas é fazer você trabalhar de graça para elas.

E eu digo por experiência própria, passei por isso e fui muito enganada com falsas promessas de divulgação.

Você faz o seu trabalho, gasta tempo e, às vezes, perde um dia inteiro naquele job, para no final você perceber que gastou o tempo que poderia estar estudando. Isso tudo para beneficiar alguém, ou alguma empresa, que não se deu nem ao trabalho de te marcar na foto.

Daí você vai dizer o seguinte: mas pode ser feito um contrato de serviço para a parceria, certo? Claro que pode, mas eu não sabia disso, eu nem pensava em contrato de prestação de serviço com 5 meses de fotografia. Certamente, existem muitos fotógrafos que estão fazendo várias parcerias de boca neste exato momento, acreditando na ilusão de uma super divulgação.


LEIA TAMBÉM:


Vou ser sincera ao dizer que sim, existem parcerias que agregam, nem todo mundo quer abusar da sua falta de experiência. Porém, para encontrar essas parcerias, elas precisam ser estudadas e testadas, para que você tenha certeza de que seu trabalho será recompensando. Caso contrário, saibam que parceria não paga boleto.

  • EDIÇÃO DE FOTOS É TUDO:

Engana-se quem pensa que Photoshop resolve qualquer problema. Muito pelo contrário, ele pode ser uma das suas piores dores de cabeça, assim como foi comigo.

Não falo só na questão “dificuldade de trabalhar com a ferramenta”, mas no sentido de que a qualidade não está na quantidade de nitidez que você aplica na foto, nem na configuração que você usa de balanço de branco. A qualidade está naquela nitidez que você consegue na captura da foto, através das configurações do seu equipamento, ou na totalização que você obtém através do seu estudo de luz natural.

Ter um bom serviço, ser um bom fotógrafo, não é entregar uma foto bem editada para o seu cliente, mas a sensibilidade do seu olhar, seu estudo por trás daquele click e, ainda mais importante, a forma com que você trata o seu cliente.

Esqueça a história de você precisa comprar o workshop mais caro para ganhar cliente. O responsável por ganhar seu cliente é você, através do serviço geral que vai prestar para ele. Até porque, se ele não gostar do seu atendimento, ele não vai pensar nas fotos bonitas do seu Instagram.


LEIA TAMBÉM:

  • TODO MUNDO VAI TE APOIAR:

Por favor, não se engane com o conto de fadas da Disney. A história da família que apoia os sonhos da filha que resolveu largar o emprego para correr atrás de seus sonhos nem sempre é real.

Se aconteceu com você, parabéns, mas isso é algo raro. A realidade é bem diferente. Você será julgada, questionada e até cobrada por não conseguir mais ajudar como antes, em casos de pessoas que ainda moram com os pais ou são casadas.

Quando você começa um negócio e não é uma pessoa bem-sucedida – digo, não nasceu em berço de ouro - você vai passar por muito perrengue e sim, está sujeita a ouvir o que não quer de qualquer pessoa.

Então, o melhor a se fazer é seguir confiando em você mesmo, ou até pagando alguém para te ajudar, mas não vá pensando que vai ser um conto de fadas, pois não vai acontecer!


LEIA TAMBÉM:

Sei que não foi fácil ler tudo isso, mas são verdades que precisam ser ditas. Você precisa saber o que te espera se está começando e romantizando demais a profissão.

Trabalhar com o que ama é maravilhoso e recompensa internamente, mas o trabalho é duro.

Espero ter ajudado, qualquer dúvida deixe nos comentários.

Fique por dentro de tudo que entra de novo por aqui e dos conteúdos diários lá do Instagram.


SIGA NOSSO PERFIL AQUI


Beijos <3

Comentarios


bottom of page